Polo de Fotografia

Câmara Escura

Posted by polodefotografia em 15/09/2008

Em tempos de sobreposições de tecnologias digitais, artista alemã Vera Lutter buscou no início da história da captação de imagens fotográficas e resgatou a técnica da câmera escura. Hoje, ela já está sendo tratada por críticos como uma reiventora da fotografia.
Exageros à parte, faz bem aos olhos passear pelos lugares retratados por esta fotógrafa com a antiga técnica. As imagens estão à mostra na Galeria Max Hetzler de Berlim.

Vera Lutter produz fotos de grande formato em preto e branco.
O fascínio pela arquitetura, por meios de transporte e pelas estruturas industriais estão presentes nas imagens captadas por meio de um orifício na janela de um quarto ou de um contêiner, adaptados por ela como câmera escura, na prática uma pinhole gigante.

O tempo de exposição das imagens projetadas no papel fotográfico pregado na parede de sua “câmera” pode durar várias semanas.

O trabalho é essencialmente sobre a passagem do tempo.

E sobre a fixação do espaço para perdurar que perdure acima deste tempo.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: